5 de agosto de 2019

CAFÉ COM A PRIMME CONTABILIDADE – PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO


No Brasil a alta carga tributária que incide sobre as empesas gera muitas dúvidas para os empreendedores, a complexidade se torna um custo a mais que o empresário deve arcar para que possa cumprir todas as obrigações tributárias e acessórias. Até mesmo dentro do Simples Nacional, que é um regime diferenciado para as pequenas e médias empresas, dúvidas para cumprir com as obrigações fiscais surgem a todo o momento.

A complexidade que existe para cumprir as exigências fiscais no Brasil é tão grande que, mesmo a empresa seguindo a risca tais obrigações, está sujeita a multas e outras penalidades no caso de um não planejamento de pagamento dos tributos com responsabilidade.

Com isso, um adequado planejamento tributário nas empresas torna-se casa vez mais importante para diminuição de seus custos e consequentes vantagens no mercado cada vez mais competitivo. O Planejamento tributário também é conhecido como Elisão Fiscal. A Elisão é uma forma legal que a empresa possui para que possa pagar menos tributos. A sua consequência pode ser a redução dos valores totais a serem recolhidos, o retardamento do pagamento ou até mesmo a não incidência do imposto. A ELISÃO FISCAL é diferente da EVASÂO FISCAL, este último é um meio pelo qual as empresas deixam de pagar seus impostos de forma ilegal.

Um dos melhores momentos para o planejamento tributário é no término do  exercício fiscal para o início de um novo, no qual os empresários, juntamente com o profissional da contabilidade, avaliarão qual o melhor Regime Tributário será melhor para a empresa.

Algumas dicas que podemos dar para que sua empresa realize um planejamento tributário de qualidade é:
- Escolha um bom Contador: Esse profissional é peça fundamental para análise da situação da empresa. Mantenha um diálogo com seu contador deixando claro quais são seus objetivos e a situação atual da empresa;

- Encontre o melhor Regime tributário para o seu negócio: temos a modalidade do MEI onde o faturamento anual deve ser inferior a R$ 81 Mil, Simples Nacional do qual a empresa pode ter faturamento anual até R$ 4,8 milhões, Lucro presumido aquelas que faturam até R$ 78 milhões e Lucro Real empreendimentos que faturam a cima de R$ 78 milhões. Entenda que para escolha do adequado regime tributário, não deve levar em consideração apenas o seu faturamento, mas uma serie de outros fatores, como aproveitamento de créditos tributários, dentre outras situações poderão ser vantajosas para a empresa;

- Preveja o faturamento de seu negócio: Quando você consegue prevê corretamente o seu faturamento, tomadas de decisões poderão ser mais eficientes;

- Automatize o seu negócio: um bom sistema ajudará na análise dos números da empresa.
Gostou? Próxima segunda estaremos com um novo artigo por aqui. Até lá!

Eu sou o seu contador!

Todos os textos são de autoria dos contadores da Primme CONTABILIDADE
Praça Juracy Magalhães, 290 – 1° andar (30m do Banco Bradesco) – Centro - Senhor do Bonfim/BA.

74 3541 0379
contatoprimmecontabilidade@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.