11 de dezembro de 2019

VEREADORES IRÃO RESPONDER SOBRE SESSÃO QUE APROVOU PROJETO 013 QUE PERMITIU A CONTRATAÇÃO DE 543 VAGAS EM BONFIM


Já não era de se estranhar, assim como alertou nossa redação que o Promotor de Justiça Dr. Rui Sanches, está de olho no Projeto 013, que visa a contratação de 543 servidores temporários na prefeitura de Senhor do Bonfim, mesmo diante de TAC – Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre MP e PMSB em anos passados, onde o Promotor informou que são estabelecidas balizas bastante rigorosas para a implantação da medida, Dr. Rui informou também à nossa reportagem que os vereadores foram diretamente identificados acerca dos contornos da decisão judicial, “e quem por ventura tenha contra ela atentado poderá, de igual modo, sujeitar-se aos ditames da lei de improbidade”, disse o promotor.

O Ministério Público está solicitando em um prazo de 10 dias, as falas dos vereadores acerca do Projeto 013/2019, em especial o que falou o Vereador Carlos de Tijuaçu, no vídeo exibido pela Câmara no tempo de 3h14min41seg, o Vereador fala, “regularizar a situação da maioria que ‘já tão’ dentro do governo”, está sendo solicitado o parecer jurídico e da comissão que também emitiu parecer, sob presidência de Hermógenes, solicita também as imagens internas para ver quem eram os representantes do governo presentes na sessão, a ata da sessão também foi solicitada, todos esses itens solicitados em caráter de urgência, informações que o promotor quer saber se os vereadores tem indicações em alguns desses cargos.

Muita coisa ainda vai rolar sobre o tal projeto, vamos aguardar as cenas do próximo capítulo.

Blog do Netto Maravilha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.