12 de maio de 2020

ÔNIBUS COM JACOBINENSES VINDOS DE OUTROS ESTADOS É INTERCEPTADO AO ENTRAR EM JACOBINA


Com uma 'chuva' de informações divergentes. Foi assim que agentes da Vigilância Sanitária de Jacobina foram recebidos ao abordarem cerca de 24 passageiros em um ônibus detido no posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) no início da noite desta quarta-feira, 12.

O Jacobina Notícias foi informado que esse transporte chegaria à cidade, trazendo jacobinenses vindos de São Paulo e que, supostamente seriam transportados pela empresa Regi Turismo. Nossa equipe conversou pessoalmente com a filha do empresário que desmentiu a informação. "Todos os nossos ônibus estão trancados há quatro meses na garagem, o que podemos provar com exames feitos nos rastreadores dos veículos, essas informações inverídicas estão sendo compartilhadas por uma empresa concorrente nossa, apenas para nos prejudicar", contou.

A interlocutora também informou à nossa equipe, que estava no local apenas para desfazer o mal-entendido e dar apoio ao motorista desta empresa, que é de Santo Amaro e que estava trazendo passageiros de uma colheita de café em Minhas Gerais. Ela nos disse ainda que apenas uma senhora ficaria na cidade e que os demais seriam de outras cidades (Miguel Calmon, Senhor do Bonfim e Campo Formoso).


O que não conseguimos entender, era o que um funcionário da Regi Turismo fazia, fardado com o nome da empresa, no meio dos passageiros e afirmando estar no grupo desde a saída de Minas Gerais, tampouco porque quase todos os passageiros deram endereços de bairros de Jacobina, como por exemplo Barro Branco, Grotinha, Leader, Pedra Branca e Bananeira. Nossa redação levantou ainda a informação de que um dos motoristas detido nesta viagem havia sido interceptado em outra barreira feita há cerca de sete dias e que, neste momento descumpria a orientação da Vigilância Sanitária de ficar em quarentena por estar chegando de outro estado.

Lembramos que o decreto 19.681/2020 proíbe o transporte de passageiros em viagens intermunicipais no município de Jacobina. Uma investigação deverá ser aberta pela polícia para saber se a empresa está terceirizando o serviço de transporte de passageiros do Sudeste para Jacobina, uma vez que o ônibus abordado não possui nenhuma personalização que ligue com a empresa jacobinense.

A Polícia Rodoviária abordou o ônibus na cidade de Morro do Chapéu, aonde desceram alguns passageiros. A PRE conduziu o veículo até Jacobina, pois o motorista estava descumprindo a notificação que recebeu na semana passada de permanecer em quarentena. Os demais passageiros vieram para os municípios de Jacobina Miguel Calmon. Todos os ocupantes que desceram em Jacobina foram entrevistados, seus dados colhidos e ficarão sob observação da Vigilância Sanitária.

O motorista foi conduzido pelos policiais rodoviários para a Delegacia de Polícia Civil, onde a medidas cabíveis seriam adotadas pelo desrespeito aos decreto e restrições de combate à pandemia.

Fonte: Jacobina Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.