17 de fevereiro de 2022

BOLETIM ESPECIAL COMEMORATIVO AO ANIVERSÁRIO DE CRIAÇÃO DA PMBA - 197 ANOS





Nascia, em 17 de fevereiro de 1825, por ato do Imperador D. Pedro I, a nossa amada Polícia Militar da Bahia. Desde então, estamos a construir a história de uma Corporação essencial, grandiosa, longeva e vitoriosa, que por todo esse tempo tem garantido a ordem e a segurança públicas à sociedade baiana, com muito labor, profissionalismo, entusiasmo, eficiência e, sobretudo, muita dedicação e
comprometimento.


Hoje, 17 de Fevereiro de 2022, comemoramos o centésimo nonagésimo sétimo aniversário institucional, com muita alegria, muito orgulho e com o sentimento cada vez maior de pertencimento à essa tão briosa Instituição Militar do nosso Estado. 

A história desta Polícia Militar se entrelaça com a própria história do Estado da Bahia, pois são 197 anos de muitas glórias, de enfrentamento de diversos desafios e guerras, e principalmente de labuta diária para servir e proteger o cidadão, buscando proporcionar à sociedade baiana um serviço de segurança pública cada vez melhor, sempre com foco na excelência, visando à paz social.


Por todo esse tempo, a Polícia Militar da Bahia tem realizado todos os esforços para ser a Polícia que a comunidade baiana almeja: uma Força a serviço do cidadão! E temos a exata noção de que estamos no caminho certo. Percebemos isso nas ações meritórias do cotidiano dos policiais militares, e principalmente na confiança, no respeito e no reconhecimento que a sociedade baiana tem demonstrado
pela nossa Corporação. 


Somos uma Corporação que vai muito além de sua missão constitucional, pois cônscia de seu papel social. Está irmanada com a sociedade, pois despertamos a concepção de uma polícia de proximidade, e para tanto implantamos a filosofia de polícia comunitária e enaltecemos a nossa responsabilidade social, idealizando e concretizando ações, projetos e campanhas sociais, permanentes e ocasionais,
sobretudo voltados para crianças, jovens e comunidades economicamente mais necessitadas, num trabalho sólido realizado pelas Bases Comunitárias de Segurança; o que fizemos e ainda estamos a fazer em razão da pandemia; no atendimento à população afetada pelas enchentes no sul do Estado; o sucesso da Campanha Força Solidária, dentre outras tantas.


E assim, no mesmo norte, este Comandante-Geral tem conduzido a PMBA com trabalho harmonioso entre oficiais e praças; com coragem nas decisões e com foco na inovação, dando passos importantíssimos para que a Corporação chegue ao seu bicentenário no patamar de excelência digno das grandes Instituições Militares. 


Temos imprimido, com abnegação, imponência e arrojo uma força operacional potencializada – através de inteligência policial, prevenção ostensiva e repressão qualificada -, o que tem nos destacado positivamente, com a obtenção de resultados expressivos no combate à criminalidade, com apreensão de toneladas de drogas ilícitas, prisões de bandidos perigosos, e, principalmente, redução dos índices
criminais, notadamente dos assaltos a ônibus na ordem de 46,3 % ( em razão de Operação nos Grandes Corredores de Tráfego) e dos CVLI (crimes violentos letais intencionais) que tanto nos preocupam, na ordem de 17,3% segundo dados oficiais da Secretaria da Segurança Pública; releva destacar, ainda, que conseguimos zerar os ataques às instituições financeiras até então neste ano de 2022.


Tais resultados são fruto de um primoroso planejamento operacional, com dinamização e otimização do efetivo, como a Operação Força Total em que todos os policiais militares foram às ruas, nos 417 municípios do Estado, bem como outras diversas operações policiais; capacitação da tropa, com cursos como o de policiamento tático e de motopatrulhamento, este último proporcionando uma maior
dinâmica no policiamento, rapidez no atendimento de ocorrências, menor custo e maior produtividade; e, fundamentalmente, fruto da política pública de segurança desenvolvida pelo Ex.mo Sr. Governador do Estado, com vultosos investimentos realizados e toda a confiança que tem dedicado à Polícia Militar.
Destarte, aproveitamos esta solenidade para externar a gratidão e em especial homenagear o Ex.mo Sr. Governador Rui Costa, nosso Comandante em Chefe, seja pelos relevantes investimentos logísticos, como todo o reaparelhamento bélico, a renovação e incremento da frota de viaturas, construção e reforma de sedes de unidades PM; seja pelo aumento de efetivo policial com a autorização para diversos concursos públicos de admissão aos nossos quadros; seja sobretudo pela valorização
e preocupação com o nosso policial militar, maior ativo da Corporação, que hoje se sente motivado e satisfeito, e isso se traduz no bom serviço de segurança pública prestado pelos policiais, com benefício para a sociedade baiana. 


E nesse sentido, como mais um fator de reconhecimento e valorização do policial militar – corolário da cultura do elogio que implantamos na Corporação -, o Ex.mo Sr. Governador Rui Costa instituiu a Medalha da Aviação Policial Militar, do GRAER, como forma prestigiar aqueles que contribuem com relevantes serviços prestados e fomento à aviação na PMBA; e atualmente estamos nas tratativas finais
para análise e homologação pelo Ex.mo Sr. Governador Rui Costa de uma condecoração inédita, a Medalha Valor de Tropa, que objetiva premiar aqueles policiais militares por feitos meritórios na atividade-fim da Corporação, como mais uma forma de prestigiar os oficiais e praças que trabalham na operacionalidade, arriscando diariamente a vida pela preservação da segurança pública. É mais um estímulo para que continuem na defesa de princípios e valores institucionais, e com muito profissionalismo e dedicação continuem acreditando na missão pela qual lutamos.


Ao lado de tudo isso, senhores, resta ainda, nesta data especial, reconhecer que a Polícia Militar da Bahia não chegaria aos 197 anos e nesse patamar vitorioso sem a importante e fundamental colaboração de pessoas que participam dos seus processos para cumprir a sua missão constitucional com a excelência que o faz, todos hoje aqui representados nos agraciados com o Título de Amigo da Polícia Militar.


A PMBA tem em seus anais o registro memorial daqueles cujas ações contribuíram para uma sociedade baiana mais justa e equânime. Assim, esta honraria oficial é destinada a personalidades de destaque no cenário estadual e brasileiro pelos relevantes serviços prestados em parceria com a Corporação e que trouxe significativos benefícios à sociedade baiana. Traduz uma forma que a Polícia Militar tem para externar toda a deferência, a gratidão e a justiça, e ao mesmo tempo homenagear todos os senhores, por serem protagonistas da história de sucesso da nossa Instituição Militar. Com isto, esperamos sempre poder contar com todos na nossa árdua e desafiadora labuta diária, de servir e proteger o cidadão, e conduzirmos a PMBA a patamares ainda mais altos.


E assim seguimos rumo ao bicentenário que se aproxima. E vamos projetar a PMBA para um futuro muito mais distante, porque temos a consciência de que a nossa Corporação é essencial à vida em sociedade.


Um forte abraço aos agraciados e que Deus nos proteja sempre!

Este Comandante-Geral estará sempre à disposição!

Deus abençoe a todos nós!

PMBA, uma Força a serviço do cidadão!


QCG, 17 de Fevereiro de 2022.
PAULO JOSÉ REIS DE AZEVEDO COUTINHO – Cel PM
Comandante-Geral

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

analytics