Documentos

POLÍCIA MILITAR DA BAHIA
COMANDO DE POLICIAMENTO ESPECIALIZADO
COMPANHIA INDEPENDENTE DE POLICIAMENTO ESPECIALIZADO- CAATINGA
REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS OLÍMPICOS DA SEMANA DO GUERREIRO DE CAATINGA - CIPE/CAATINGA
Juazeiro
2019
DO REGULAMENTO GERAL
Capítulo 1 – Da Finalidade
Art. 1º – Os Jogos Olímpicos da Semana do Guerreiro de Caatinga tem por finalidade essencial, congregar o público militar interno e externo, dando incentivo à prática de atividades físicas e do desporto, além de promover relações de amizade, companheirismo e camaradagem.
Capítulo 2 – Da Organização
Art. 2 º – Este regulamento é o conjunto de disposições que regem as disputas dos Jogos Olímpicos da Semana do Guerreiro de Caatinga – CIPE/Caatinga.
Art. 3º – É de competência da organização dos Jogos Olímpicos da Semana do Guerreiro de Caatinga, interpretar este regulamento, zelar por sua execução e resolver os casos omissos.
Art. 4º – Para todos os fins, os participantes dos Jogos Olímpicos da Semana do Guerreiro de Caatinga serão conhecedores das regras oficiais da competição, do regulamento geral, bem como da legislação esportiva vigente no país.
Capítulo 3 – Dos Jogos
Art. 5º – Os Jogos Olímpicos da Semana do Guerreiro de Caatinga serão realizados nas seguintes modalidades:
MODALIDADES
SUBMISSION MASCULINO E FEMININO
CORRIDA DE 1.500 metros EM REVEZAMENTO
BARRA FIXA MASCULINO
BARRA FIXA FEMININO
APOIO AO SOLO MASCULINO
APOIO AO SOLO FEMININO
CABO DE GUERRA EM EQUIPE
NATAÇÃO DE 5.OOO metros EM EQUIPE
CORRIDA DE 8.000 metros (CALÇA E COTURNO)
IPSC POLICIAL - TIRO DE PISTOLA (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
IPSC POLICIAL - TIRO DE ARMA PORTÁTIL (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
TIRO DE FUZIL cal. 7,62mm a 100 metros, MIRA ABERTA E FECHADA - MASCULINO E FEMININO
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ARMAMENTO
TRANSPOSIÇÃO DE CURSO D’ÁGUA
CROSSFIT
Art. 6º – Participarão dos Jogos Olímpicos da Semana do Guerreiro de Caatinga policiais e bombeiros militares da Bahia e de outras instituições coirmãs, bem como militares das Forças Armadas, pertencentes a(o):
1) Orgânico do Comando de Policiamento Especializado (CPE);
2) Orgânico do Comando de Policiamento da Região Norte (CPRN);
3) Colégio da Polícia Militar (CPM/Juazeiro);
4) 3º Batalhão de Ensino e Capacitação (3º BEIC);
5) 9º Grupamento de Bombeiro Militar da Bahia (9º GBM/Juazeiro);
6) Polícia Civil da Bahia;
7) Batalhão Especializado em Policiamento do Interior - BEPI/PMPE;
8) 5º BPM/Petrolina - PMPE;
9) 4º Grupamento de Bombeiro Militar de Pernambuco (4º GBM/Petrolina);
10) Polícia Rodoviária Federal (PRF);
11) Polícia Federal (PF);
12) Agência Fluvial de Juazeiro - Marinha do Brasil;
13) 72º Batalhão de Infantaria Motorizado (72º BIMtz) - Exército Brasileiro;
14) Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Petrolina/PE (DTCEA-PL) - Força Aérea Brasileira;
15) Instituições de Segurança Pública de outros Estados da Federação ou não, a ser avaliado pela coordenação do evento.
§1º – Para viabilizar as competições em equipe haverá a integração de componentes de órgãos e unidades diferentes, a critério da coordenação deste evento e considerando as inscrições realizadas;
Art. 7º – O número de modalidades que o militar desejar participar é livre, obedecendo à quantidade de competidores por modalidade e ao cronograma das disputas, que ocorrerão em locais distintos, a depender da modalidade.
Capítulo 4 – Das Inscrições
Art. 8º – A inscrição ocorrerá através de envio de ofício do respectivo Comandante, Chefe ou Diretor do competidor à CIPE/Caatinga, para email: cipe.caatinga.spo@pm.ba.gov.br, no qual deve conter NOME COMPLETO, MATRÍCULA, IDADE E MODALIDADE(S) do(a) competidor(a), no período de no período de 01 a 05 de Abril de 2019.
Art. 9º – Em cada modalidade, o número máximo de participantes por equipe obedecerá ao descrito abaixo:
MODALIDADES
NAIPE
COMPETIDORES
SUBMISSION MASCULINO
INDIVIDUAL
3 por equipe
CORRIDA DE 1.500 metros EM REVEZAMENTO
EQUIPE
5, com no mínimo uma competidora
BARRA FIXA MASCULINO
INDIVIDUAL
2 por equipe
BARRA FIXA FEMININO
INDIVIDUAL
2 por equipe
APOIO AO SOLO MASCULINO
INDIVIDUAL
2 por equipe
APOIO AO SOLO FEMININO
INDIVIDUAL
2 por equipe
CABO DE GUERRA EM EQUIPE
EQUIPE
8 por equipe, podendo ter até 10 inscritos.
NATAÇÃO DE 5.OOO metros EM EQUIPE
EQUIPE
Até 15 por equipe
CORRIDA DE 8.000 metros (CALÇA E COTURNO)
EQUIPE
8 por equipe/individual
TRANSPOSIÇÃO DE CURSO D’ÁGUA
DUPLA
até duas duplas por equipe
IPSC POLICIAL - TIRO DE PISTOLA (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
EQUIPE (masc.) /INDIVIDUAL (masc. e fem.)
4 / 2
IPSC POLICIAL - TIRO DE ARMA PORTÁTIL (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
EQUIPE (masc.) /INDIVIDUAL (masc. e fem.)
4 / 2
TIRO DE FUZIL cal. 7,62mm a 100 metros, MIRA ABERTA E FECHADA - MASCULINO E FEMININO
EQUIPE /INDIVIDUAL (masc. e fem.)
2 por equipe
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ARMAMENTO
INDIVIDUAL
2 por equipe
CROSSFIT
EQUIPE
3 por equipe
Capítulo 5 – Dos Uniformes
Art. 10 – Cada equipe deverá apresentar-se devidamente uniformizada, com equipamentos e apetrechos que cada competidor julgar conveniente, observando as particularidades de cada competição para o bom andamento dos jogos, e para colaborar com a competência da arbitragem.
Capítulo 6 – Da Arbitragem
Art. 11 – Os árbitros serão os definidos pela coordenação do evento, podendo ser militar ou não, que ajuizarão de forma imparcial e obedecendo às regras deste regulamento.
§1º-Será realizado um congresso técnico anterior às competições, para fins de esclarecimentos sobre a execução das provas aos competidores inscritos, em local e data a ser divulgado.
§2º- O lançamento das pistas das provas de tiro IPSC Policial - de pistola e de arma portátil - categoria Standard, dar-se-á aos competidores inscritos durante o decorrer deste evento, em local e data a ser divulgado.
Capítulo 7 – Das Competições
Art. 12 – É de inteira responsabilidade de cada competidor o cumprimento de horário de participação nas modalidades, com o uniforme correspondente à disputa de cada modalidade, bem como a observância irrestrita deste regulamento.
Parágrafo único - A CIPE/Caatinga poderá fornecer meios necessários para locomoção aos locais de disputa, a depender de disponibilidade e condições da frota de veículos,
sendo concedida uma tolerância de 10 (dez) minutos para o início da partida. O não comparecimento até o limite da tolerância caracterizará W.O. e prosseguida a disputa com o(s) inscrito(s) presentes no local da disputa.
Art. 13 – A CIPE/Caatinga providenciará os meios necessários para amparar acidentes e/ou incidentes ocorridos em malefícios próprios ou a terceiros, durante os jogos ou em decorrência das competições, através de disponibilidades do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e/ou de veículo de atendimento pré-hospitalar bombeiro militar ou similar.
Art. 14 – Segue abaixo o cronograma de atividades e competições dos JOGOS OLÍMPICOS DA SEMANA DO GUERREIRO DE CAATINGA:
DATA
MODALIDADES
TURNO
LOCAL
22/04
ALINHAMENTO DOUTRINÁRIO - INSTRUTORES E MONITORES DA CPAC
Matutino
Auditório CIPE/Caatinga
22/04
WORKSHOP - PALESTRAS
14 horas
Auditório CIPE/Caatinga
23/04
SUBMISSION MASCULINO
Matutino
3º BEIC (tatame)
23/04
CORRIDA DE 1.500 metros EM REVEZAMENTO
Matutino
3º BEIC (campo)
23/04
BARRA FIXA MASCULINO
Matutino
Sede da CIPE/Caatinga
23/04
BARRA FIXA FEMININO
Matutino
Sede da CIPE/Caatinga
23/04
APOIO AO SOLO MASCULINO
Matutino
Sede da CIPE/Caatinga
23/04
APOIO AO SOLO FEMININO
Matutino
Sede da CIPE/Caatinga
23/04
CABO DE GUERRA EM EQUIPE
Matutino
Sede da CIPE/Caatinga
23/04
NATAÇÃO DE 5.OOO metros EM EQUIPE
Vespertino
Clube de Cabos e Soldados
24/04
CORRIDA DE 8.000 metros (CALÇA E COTURNO)
9 horas
Largada e chegada no 3º BEIC
24/04
TRANSPOSIÇÃO DE CURSO D’ÁGUA
Vespertino
Agência Fluvial de Juazeiro
25/04
IPSC POLICIAL - TIRO DE PISTOLA (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
Matutino/Vespertino
Stand de tiro da ATP
25/04
IPSC POLICIAL - TIRO DE ARMA PORTÁTIL
Matutino/Vespertino
Stand de tiro da ATP
(STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
25/04
TIRO DE FUZIL cal. 7,62mm a 100 metros, MIRA ABERTA E FECHADA - MASCULINO E FEMININO
Matutino/Vespertino
Stand de tiro da ATP
25/04
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ARMAMENTO
Matutino/Vespertino
Stand de tiro da ATP
25/04
CROSSFIT
9 horas
BOX WE CROSSFIT - Petrolina/PE
26/04
CORRIDÃO CPAC
6h30min
Àrea cívica da CPAC
26/04
ENCERRAMENTO
17 horas
Área cívica do 3º BEIC
Art. 15 – Recomenda-se que as equipes estejam no local das competições com no mínimo 30 (trinta) minutos de antecedência.
Art. 16 – Fica estabelecido o prazo de 2 (duas) horas após a realização das disputas, a descrição por escrito de irregularidade, desde que devidamente comprovada, que não seja de conhecimento da coordenação.
Art. 17 – A premiação aos vencedores será feita através de medalhas para primeiro, segundo e terceiro colocados de cada modalidade, logo após finalizada cada disputa de modalidade.
Parágrafo único - Para critério de desempate será considerado o competidor que tiver maior idade.
Art. 18 – Será considerado campeão geral dos jogos a equipe que alcançar o maior número de pontos somados de todas as modalidades, a ser divulgada na solenidade de encerramento.
§1º - Para critério de desempate será considerado campeã a equipe que obtiver o maior número de medalhas para primeiro colocado. Persistindo o empate, as equipes empatarão na 1ª colocação geral;
§2º - As equipes campeã, segunda e terceira colocadas serão premiadas com troféus.
Capítulo 8 – Das Infrações e Penalidades
Art. 19 – O não comparecimento da equipe, quantidade de atletas insuficiente para a realização da partida, bem como uniforme considerado inapropriado pela arbitragem, são situações que caracterizam W.O.
Art. 20 – Qualquer anormalidade ou desordem ao bom andamento das disputas de cada modalidade, provocada direta ou indiretamente pelo competidor, poderá implicar na desclassificação do competidor ou da equipe na modalidade, a ser julgado pelo coordenação.
ANEXO I - REGRAS DE COMPETIÇÃO
1) SUBMISSION MASCULINO E FEMININO
a) Uniforme: Bermuda sem bolsos ou com bolsos completamente fechados, sem botões, fechos ou qualquer peça plástica ou metálica que apresente risco ao adversário, sendo permitido a utilização de short ou calça de tecido elástico (colado ao corpo). Os atletas devem utilizar roupas íntimas.
b) Descrição: Os competidores disputarão em "lutas" com duração de 5 minutos. Caso não haja finalização, vence o competidor com mais pontos ao término do tempo. Havendo empate na pontuação, os juízes decidem quem apresentou maior iniciativa na disputa.
c) Categorias: Absoluto (sem limite de peso), pelas seguintes divisões de faixas:
Faixa branca - não será permitido tiro de guarda, bate estaca, legloock, mata leão no pé, kanibassami (tesoura), chave de calcanhar, mata leão de frente, bem como outras chaves e estrangulamentos que possam lesionar a coluna cervical do atleta;
Faixa azul: não será permitido bate estaca, legloock, mata leão no pé, kanibassami (tesoura), chave de calcanhar, mata leão de frente, bem como outras chaves e estrangulamentos que possam lesionar a coluna cervical do atleta;
Faixa roxa: não será permitido bate estaca, mata leão no pé, kanibassami (tesoura), chave de calcanhar, mata leão de frente, bem como, outras chaves e estrangulamentos que possam lesionar a coluna cervical do atleta;
Faixa marrom e preta: não será permitido kanibassami (tesoura), chave de calcanhar, mata leão de frente, bem como outras chaves e estrangulamentos que possam lesionar a coluna cervical do atleta.
d) Desclassificação - caso o atleta, ou quem por ele esteja torcendo, atue de maneira desrespeitosa com o árbitro, adversário ou com os demais presentes no recinto;
O competidor aplique algum dos golpes proibidos; ou
Caso se lesione de maneira que fique impossibilitado de continuar a disputa.
2) CORRIDA DE 1.500 METROS EM REVEZAMENTO
a) Uniforme: Educação Física Militar.
b) Descrição: Os competidores executam corrida de revezamento de 1.500 (um mil e quinhentos) metros, na qual cada equipe deverá ter 5 (cinco) competidores, sendo obrigatoriamente uma competidora. Cada competidor(a) corre 300 metros, sendo a passagem de um corredor(a) para o outro realizada por passagem de bastão;
b) O competidor subseqüente na corrida somente poderá sair após a passagem de bastão pelo competidor que está terminando 300 metros de corrida;
c) O competidor substituto deverá aguardar parado;
d) Não havendo a passagem de bastão para o revezamento, a equipe será desclassificada;
e) O tempo de corrida é registrado em minuto e centésimo de segundo;
f) Não há limite de idade para os competidores, e vence a equipe que completar os 1.500 (um mil e quinhentos) metros de maneira correta em menor tempo.
3) BARRA FIXA MASCULINO
a) Uniforme: Educação Física Militar.
b) Descição: Seguindo o protocolo de testes físicos do Manual de Avaliação Física da PMBA, publicado em Separata ao Boletim Geral Ostensivo nº 166, de 05 de Setembro de 2006, o competidor deverá segurar a barra com ambas as mãos, estando os cotovelos, tronco e joelhos em extensão, sem contato dos pés com o solo. A posição da pegada é pronada e correspondente à distância bi-acromial. O competidor elevará o seu corpo através da flexão dos cotovelos, até que o queixo passe acima do nível da barra, quando então retornará o corpo à posição inicial;
c) Não haverá limite de tempo, devendo a execução ser contínua;
d) Será computado o número de movimentos completados corretamente;
e) Não é permitido qualquer movimento de quadrill ou de membros inferiores como auxílio, bem como tentativa de extensão da coluna cervical;
f) Em caso de balanceios, o avaliador poderá auxiliar na estabilização do corpo;
g) Não há limite de idade para os competidores, e vence quem fizer o maior número de repetições corretas, seguido dos demais competidores na classificação;
4) ESTÁTICO DE BARRA FIXA FEMININO
a) Uniforme: Educação Física Militar.
b) Seguindo o protocolo de testes físicos do Manual de Avaliação Física da PMBA, publicado em Separata ao Boletim Geral Ostensivo nº 166, de 05 de Setembro de 2006, a competidora deverá segurar a barra com ambas as mãos, sem contato dos pés com o solo. A posição da pegada é pronada e correspondente à distância bi-acromial. A competidora deverá sustentar o peso do próprio corpo, durante o maior tempo possível, mantendo o queixo acima do nível da barra;
c) O tempo é registrado em minuto e centésimo de segundo;
d) Não há limite de idade para as competidores, e vence quem permanecer o maior tempo com o queixo acima da barra, seguido dos demais competidores na classificação;
5) APOIO AO SOLO MASCULINO
a) Uniforme: Educação Física Militar.
b) Seguindo o protocolo de testes físicos do Manual de Avaliação Física da PMBA, publicado em Separata ao Boletim Geral Ostensivo nº 166, de 05 de Setembro de 2006, o competidor deverá se posicoinar em decúbito ventral, em terreno plano e liso, apoiando as palmas da mão no solo, pernas unidas e estendidas, articulações dos cotovelos em extensão, posicionamento das mãos em distância bi-acromial, com mãos e pés apoiados no solo: 4 (quatro) bases.
c) O competidor realizará a flexão dos cotovelos até ocorrer um ângulo de 90º (noventa graus) entre braço e antebraço (articulação do cotovelo), e retornar à posição inicial, devendo o corpo ficar ereto durante a execução do exercício.
d) Não haverá limite de tempo, devendo a execução ser contínua;
e) Será computado o número de movimentos completados corretamente;
f) Não há limite de idade para os competidores, e vence quem fizer o maior número de repetições corretas, seguido dos demais competidores na classificação;
6) APOIO AO SOLO FEMININO
a) Uniforme: Educação Física Militar.
b) Seguindo o protocolo de testes físicos do Manual de Avaliação Física da PMBA, publicado em Separata ao Boletim Geral Ostensivo nº 166, de 05 de Setembro de 2006, a competidora deverá se posicoinar em decúbito ventral, em terreno plano e liso, apoiando as palmas da mão no solo, pernas unidas, articulações dos cotovelos em extensão, posicionamento das mãos em distância bi-acromial, com mãos, joelhos e pés apoiados no solo: 6 (seis) bases;
c) A competidora realizará a flexão dos cotovelos até ocorrer um ângulo de 90º (noventa graus) entre braço e antebraço (articulação do cotovelo), e retornar à posição inicial, devendo o corpo ficar ereto durante a execução do exercício
d) Não haverá limite de tempo, devendo a execução ser contínua;
e) Será computado o número de movimentos completados corretamente;
f) Não há limite de idade para as competidoras, e vence quem fizer o maior número de repetições corretas, seguido das demais competidoras na classificação;
7) CABO DE GUERRA EM EQUIPE
a) Uniforme: calça, camisa interna e coturno;
b) Descrição: Trata-se de uma prova onde se objetiva um teste de força entre duas equipes, com 08(oito) competidores, de peso livre. Os competidores são alinhados ao longo do cabo (de aproximadamente 10 cm de diâmetro). Ao centro, entre os dois grupos, há uma linha central. O cabo é marcado em seu ponto central e em dois outros pontos distantes quatro metros de seu centro. Os dois times iniciam a competição com a marca central do cabo coincidido com a linha central. Iniciada a disputa, cada equipe tem por objetivo puxar o grupo rival de modo a fazê-lo cruzar a linha central com sua marca de quatros metros do cabo;
c) A disputa será em sistema de “mata-mata” com os confrontos definidos através de sorteio e de acordo com a quantidade de equipes inscritas;
d) A disputa em cada puxada terá o tempo máximo de 02(dois) minutos. Caso uma equipe não consiga fazer com que a outra equipe cruze a linha central, e se esgote o tempo de 2min, será declarada perdedora a equipe que estiver mais próxima da linha central;
e) É vedado a utilização de luvas ou similares, bem como a pegada entre ponto central e os dois outros pontos distantes a quatro metros, o que invalida a disputa e declara vencedor a equipe oponente.
8) NATAÇÃO DE 5.000 METROS EM REVEZAMENTO
a) Uniforme: Sunga ou maiô (para competidoras), óculos de natação e, opcionalmente, toca;
b) Descrição: os competidores irão se deslocar em uma piscina de 25metros, em 200 (duzentas) largadas, utilizando qualquer modalidade de natação (estilo livre), em equipes de até 15 (quinze) competidores, podendo ter competidora ou não, até completar 5.000 (cinco mil) metros;
c) No interior da piscina, apoiado em uma das bordas, no sentido do comprimento, o(a) competidor(a) deverá se deslocar no meio líquido;
d) O início da disputa é determinado através de um silvo de apito, precedido da palavra "ATENÇÃO", quando então será acionado o cronômetro, podendo ocorrer a impulsão na borda da piscina, tanto na largada como nas viradas;
e) O(a) competidor(a) que irá saltar para a natação substituto(a) somente poderá saltar após toque de mão na borda da piscina, pelo competidor(a) substituído(a). Caso haja o salto à piscina do competidor substituto antes do toque de mão competidor substituído, o deslocamento atual de 25 metros será invalidado;
f) A disputa ocorrerá em baterias, a depender da quantidade de equipes inscritas, sendo a ordem de participação das equipes nas baterias da prova definida pela coordenação, na qual cada competidor deve nadar no máximo 25 metros por cada largada na piscina, não existindo limites de largada por competidor(a);
g) Após o início da prova, o(a) competidor(a) que se apoiar com qualquer parte do corpo, nas bordas laterais, nas raias, ou ainda, tocar o pé no fundo da piscina, de forma que venha a favorecer a sua flutuação, terá o deslocamento atual de 25 metros invalidado;
h) É permitido o apoio nas bordas para a realização das viradas, porém sem interrupção da execução do teste ou descanso, sendo permitido 5 (cinco) segundos segurando a borda;
i) Não há limite de idade para os competidores, e vence a equipe que completar os 5.000(cinco mil) metros de maneira correta em menor tempo;
j) O(a) competidor(a) que invadir a raia de outra equipe, acarretará na invalidação do deslocamento atual de 25 metros.
9) CORRIDA DE 8KM (CALÇA E COTURNO)
a) Uniforme: Calça Operacional compatível com a unidade do competidor, e coturno de livre escolha do competidor(a);
b) Descrição: Os competidores irão se dedicar ao máximo para completar os 8 (oito) quilômetros de prova no menor tempo possível e a equipe que completar o percurso em menor tempo será a vencedora, seguida das demais competidoras na classificação;
c) A competição ocorrerá entre quantas equipes se inscreverem, compostas por 8 (oito) componentes cada;
d) O percurso será nas ruas e avenidas do município de Juazeiro/BA, tendo postos de hidratação no trajeto, devidamente sinalizados;
e) A equipe sairá do ponto de largada devendo todos os componentes chegarem juntos no ponto de chegada. Em caso de algum(a) competidor(a) ficar para trás a equipe será desclassificada.
10) TRANSPOSIÇÃO DE CURSO D’ÁGUA
a) Uniforme: Calça Operacional compatível com a unidade do competidor, e coturno de livre escolha do competidor(a), podendo ter toca e óculos de natação;
b) Descrição: Os competidores (dupla) irão se revezar na transposição de curso d’água, podendo ter competidora ou não;
c) A largada ocorrerá nas proximidades da Agência Fluvial de Juazeiro, através de silvo de apito, em baterias, divididas proporcionalmente entre a quantidade de duplas inscritas. Um competidor atravessa até a ilha do fogo, onde o outro competidor aguardará a substituição, que se concretizará através de toque de mão entre os competidores. O competidor substituto transporá o curso d’água do rio de retorno à margem de Juazeiro, saindo em local definido, sinalizado, de fácil percepção. Ao chegar à margem, deverá tocar um sino em local também visível. Vence a dupla que tocar o sino mais rápido, seguido dos demais nos toques subsequentes;
d) O estilo de nado da transposição é livre, de maneira a não atrapalhar o nado dos demais competidores, sob pena de desclassificação. Cada dupla deverá ter um guia de caiaque, a fim de ter a responsabilidade de socorro imediato aos competidores, podendo dar orientações à dupla. O guia de caiaque deverá estar numa distância próxima do competidor de sua responsabilidade, de modo a não atrapalhar na execução de prova das outras duplas, sob pena de desclassificação;
e) Os competidores que aguardarão a substituição na ilha do fogo, estarão dispostos numa mesma linha demarcatória, e somente poderá iniciar a transposição após toque de mão do competidor a ser substituído;
f) A dupla que sair do curso d’água fora do local definido, tanto na Ilha do fogo como em Juazeiro, será desclassificada;
g) Caso a coordenação perceba dificuldade do competidor na execução da prova, de modo a por em risco sua própria integridade física, poderá desclassificá-lo e retirá-lo da água.
11) IPSC POLICIAL - TIRO DE PISTOLA (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
a) Uniforme: Operacional correspondente.
b) As regras de execução e competição aos atiradores são as mesmas referentes à Confederação Brasileira de Tiro Prático, na modalidade IPSC Policial, categoria
Standard, divididos entre categoria masculino e feminino, não sendo admitidas, nas competições por equipe, a mescla entre homens e mulheres.
c) Descrição - Trata-se de uma prova bastante dinâmica, onde o competidor devidamente engajado efetuará deslocamentos à procura e seleção de alvos, em duas execuções individuais seguidas, devidamente arbitrada e cronometrada individualmente, sendo a primeira execução de 17 (dezessete) disparos com recarga obrigatória, na qual o competidor municiará os carregadores (mínimo dois) conforme achar conveniente, e a segunda execução de 8 (oito) disparos, na mesma pista.
d) As equipes serão compostas por 4 (quatro) competidores, podendo haver inscrição para competidor individual. Para o cômputo de pontuação em equipe, serão considerados os 3 (três) melhores resultados.
e) As munições e armamento para execução das pistas serão fornecidas pela coordenação do evento, dentre as disponíveis na sala de meios da CIPE/Caatinga, podendo o competidor utilizar munições e/ou arma de uso pessoal ou de sua Unidade, desde que obedeça à categoria Standard e seja devidamente aprovado pelo árbitro da prova.
f) O cômputo de pontuação da prova levará em consideração o tempo de execução de prova e o aproveitamento da pista.
g) É obrigatório o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI).
12) IPSC POLICIAL - TIRO DE ARMA PORTÁTIL (STANDARD) - MASCULINO E FEMININO
a) Uniforme: Operacional correspondente.
b) As regras de execução e competição aos atiradores são as mesmas referentes à Confederação Brasileira de Tiro Prático, na modalidade IPSC Policial, categoria Standard, divididos entre categoria masculino e feminino, não sendo admitidas, nas competições por equipe, a mescla entre homens e mulheres.
c) Descrição - Trata-se de uma prova bastante dinâmica, onde o competidor devidamente engajado efetuará deslocamentos à procura e seleção de alvos, em duas execuções individuais seguidas, devidamente arbitrada e cronometrada
individualmente, sendo a primeira execução de 17 (dezessete) disparos, e a segunda execução de 8 (oito) disparos, na mesma pista.
d) As equipes serão compostas por 4 (quatro) competidores, podendo haver inscrição para competidor individual. Para o cômputo de pontuação em equipe, serão considerados os 3 (três) melhores resultados.
e) As munições e armamento para execução das pistas serão fornecidas pela coordenação do evento, dentre as disponíveis na sala de meios da CIPE/Caatinga, podendo o competidor utilizar munições e/ou arma de uso pessoal ou de sua Unidade, desde que obedeça à categoria Standard e seja devidamente aprovado pelo árbitro da prova.
f) O cômputo de pontuação da prova levará em consideração o tempo de execução de prova e o aproveitamento da pista.
g) É obrigatório o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e de bandoleira.
.
13) TIRO DE FUZIL cal. 7,62mm a 100 metros, MIRA ABERTA E FECHADA - MASCULINO E FEMININO
a) Trata-se de uma prova de concentração, onde o(a) competidor(a) de posse de Fuzil Cal 7,62m, de repetição ou não, efetuará 5 (cinco) disparos a uma distância de 100 (cem) metros em até 3 (três) minutos, uma única vez, não sendo admitidas, nas competições por equipe, a mescla entre homens e mulheres.
b) As munições e armamento para execução das pistas serão fornecidas pela coordenação do evento, dentre as disponíveis na sala de meios da CIPE/Caatinga, podendo o competidor utilizar munições e/ou arma de uso pessoal ou de sua Unidade, desde que seja calibre 7,62 mm, e aprovado pelo árbitro da prova.
c) A posição para o tiro será deitada, devendo a arma estar sempre apoiada no corpo e o corpo apoiado somente no solo, não sendo permitido o apoio das mãos e nem do carregador ao solo, salvo os cotovelos que poderão tocá-lo.
d) A execução se dará por baterias, sendo a quantidade de atiradores por bateria a ser definido de acordo com a quantidade de inscritos, definido a ordem de disputa dos competidores pelo coordenação do evento.
e) O cômputo de pontuação da prova levará em consideração o aproveitamento dos disparos no alvo e suas respectivas pontuações. Para a pontuação em equipe, soma-se o aproveitamento de cada atirador.
g) É obrigatório o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI).
g) Caso o atirador efetue os disparos em alvos vizinhos, será desclassificado.
h) Na modalidade MIRA FECHADA, o aparelho de pontaria é de responsabilidade do atirador. A coordenação do evento não disponibilizará aparelho de pontaria para execução da prova.
i) Vence o competidor que obtiver maior pontuação, seguido pelos demais na pontuação.
14) MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ARMAMENTO
a) Descrição: Cada competidor efetuará a desmontagem das armas Pistola Taurus (PT 100), Sub Metralhadora Taurus (SMT .40), Fuzil Imbel MD2 A1 (5,56 mm) e espingarda calibre 12, e a conseqüente montagem de forma correta.
b) O início de cada processo de desmontagem e montagem será dada por silvo de apito, e o fim dito pelo(a) competidor(a), bradando “PRONTO!”. A ordem de desmontagem e montagem das armas é livre;
c) Em caso de montagem equivocada o competidor(a) será desclassificado;
d) Vence o competidor que fizer a desmontagem e montagem de todas as armas de maneira correta em menor tempo, seguido pelos demais na pontuação.
15) CROSSFIT
a) Uniforme: Educação Física Militar. b) Descrição: O crossfit é uma metodologia de condicionamento físico criada com base em três pilares: movimentos funcionais, movimentos constantemente variados e movimentos de alta intensidade. c) A disputa realizar-se-á por equipes de 3 (três) competidores, em 3 (três) provas:
Prova 1
7 min "Amrap"
5 barras
10 flexões de braço
15 agachamentos
Serão 7 minutos para a equipe realizar o maior número de repetições e rounds possíveis desta sequência. O atleta A executa o round completo, seguido do atleta B e C. O atleta que inicia o round obrigatoriamente deve terminá-lo. Enquanto um está executando, os outros dois estão inativos. O mesmo atleta pode repetir mais um round mesmo tendo acabado de concluir o seu.
Na execução da barra, o atleta deverá passar o queixo e ao final do movimento estender por completo os braços. Na flexão de braço, o atleta deverá encostar no chão e estender totalmente os cotovelos ao final do movimento. No agachamento o atleta deverá agachar quebrando os 90 graus e estendendo totalmente o joelho e quadril.
Prova 2
Por tempo 12min
600 m corrida carregando um competidor
20 burpees sobre a barra sincronizados
10 saltos sobre a caixa
400 m corrida carregando um competidor
30 burpees sobre a barra sincronizados
15 saltos sobre a caixa
200m de corrida carregando um competidor
40 burpees sobre a barra sincronizados
20 saltos sobre a caixa
Durante a corrida os 3 atletas correrão juntos. Um da equipe carregará um competidor, ficando de livre escolha o estilo (noiva, bombeiro, etc), e o terceiro atleta da equipe acompanha a corrida. Os atletas podem revezar entre si.
No burpee sobre a barra os atletas farão em dupla, o peito deve encostar no chão e os atletas deverão passar a barra saltando.
No salto sobre a caixa os atletas deverão passar com os dois pés sobre a caixa. Não será necessário estender os joelhos. O atleta pode saltar na caixa, assim como poderá passar em forma "step up". Enquanto um atleta executa os outros dois estarão inativos.
O objetivo da prova é concluir no menor tempo possível. Caso não seja concluído dentro do tempo, será considerado como resultado a quantidade de repetições realizadas.
Prova 3
Por tempo 6 min
150 arremessos de med ball
1 min descanso
4 min
Max de metros de rastejo baixo
Os atletas deverão concluir dentro de 6 min, 150 arremessos de "med ball" no alvo. Os atletas poderão alternar entre si para a execução. Haverá um área de transição onde as trocas entre os atletas deverem ocorrer.
Na execução do arremesso, o atleta deverá agachar quebrando os 90 graus e estender totalmente os joelhos e o quadril ao arremessar a bola no alvo. Concluído os 6 minutos haverá um intervalo de 1 minuto. Após o intervalo os atletas terão 4 minutos para executar o máximo de metros de rastejo baixo. O atletas poderão alternar como quiserem.
c) Vence a equipe que tiver melhor aproveitamento em todas as provas, seguido pelos demais na pontuação.